terça-feira, 14 de junho de 2011

Conspirações

Ezra






Um louco não sabe que é louco. Sabe? Como a pessoa pode saber que não é louca? Quando alguém lhe pede informação na rua você sabe que você não é louco. Ninguém pede informação para um louco. Mas aquela pessoa pedindo informação na rua pode ser só mais uma loucura da sua cabeça. Olhe bem para ela.

Por exemplo, o Bozo mais legal era o drogado. As crianças e os pais não desconfiavam. Mas eu, apesar da tenra idade, já sabia que tinha algo estranho. Sempre tem... Não gosto quando um produto me questiona algo. Já é de manhã então acordo e tomo banho para em seguida fazer meu café da manhã com pães de sanduíche Seven Boys, na embalagem uma pergunta direta: "Qual seu ritual de amor preferido?" Não envolve pães em fatias!!! Muito menos sete garotos... Isso tudo é uma propaganda internacional para propalar a pedofilia! Não compro mais esse pão. Precisa ver isso aí! Investigação.

Constato que instituições de ensino superior são apenas uma fachada para venderem cópias xerográficas. Como a Xerox perdeu muito mercado quando da digitalização das máquinas fotográficas difundiram ao extremo as instituições de ensino superior para que pudessem lucrar com a venda de copiadoras para empresas que fazem cópias em papel. Um famoso senador é dono de mais de 90% das firmas de cópias xerográficas.

Roupas para homens fazem referência ao esporte pólo. Ninguém reles popular joga pólo. Percentual de jogadores de pólo é ridículo. Jogadores de pólo não compram roupas que fazem referência ao esporte pólo. Isso quer dizer alguma coisa. Talvez tenha a ver com uma marca da nobreza na roupa dos vassalos. Os senhores feudais marcavam seus servos. Os escravos recebiam marcas. Vocês agora trabalham para o pólo (grande irmão dominador dos escravos proletários que nunca jogaram pólo, nem viram um cavalo de pólo).

Uma coisa que eu odeio são duplas sertanejas que se dividem. Cada uma (com a divisão) cria uma nova dupla sertaneja. Duplas sertanejas são como planárias. De uma criam duas. De duas criam quatro. De quatro criam oito. E assim vão exponencialmente. Quantas duplas sertanejas existem no Brasil? Onde isso vai parar? Alguém tinha é que ter matado o Tonico e Tinoco lá no início já.

Quer uma coisa bizarra? Pega um careca, daqueles bem carequinha mesmo e bota ele dentro de um Ford Ka. Nomes de carros são estranhos. E carros redondos? E pessoas carecas? Gravatas também são coisas esdrúxulas. Mas o que elas simbolizam? Um pano no pescoço. Uma seta para as bolas. Um homem enforcado. Sobrou tecido e fazem aquilo. São alguns boiolas que ditam o que você deve vestir.

Cuidado. Vizinhos que observam o lixo dos outros vizinhos. O Facebook. Ligações telefônicas que são enganos. A embalagem da Coca-cola ordena que eu viva positivamente. A Coca-cola é um líquido preto. O Google Earth. Aqueles números nos códigos de barras. O Cabrini foi pego com drogas. Bandidos descobriram como lavar notas manchadas de caixas eletrônicos arrombados. Fofocas em salões de beleza estão sendo monitoradas. Preste muita atenção no que você fala para a sua mulher. Pessoas que cultivam fazendas no Orkut. Se você somar todos os números do seu CPF vai dar um múltiplo de onze.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Dia dos Namorados

Data base



Dicas de presentes pros homens darem às suas mulheres no Dia dos Namorados

Se sua esposa é advogada, veja se ela não precisa de um terninho novo, ou um escarpim, ou uma echarpe, ou outra dessas roupas com nomes sofisticados que advogadas adoram usar. Pode ser também uma Mont Blanc caríssima, pra que ela exiba aos amigos advogados e sinta-se equiparada ao sexo masculino, ainda que por dentro ela sinta-se inferiorizada no matter what. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é psicóloga, procure por um pacote de viagens pra um lugar bem aconchegante e isolado, onde vocês possam passar mais tempo juntos, só vocês dois, curtindo um ao outro. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é médica, dê-lhe um dia all inclusive num poderoso spa. Com certeza ela está precisando de um tempo pra ela cuidar de si mesma, pois só o que ela faz é cuidar dos outros e isso é um absurdo. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é professora, tente encontrar uma bolsa de marca, importada, onde caibam todas as suas necessidades e que sirva pra aumentar sua auto-estima, pois grana do próprio bolso pra isso ela não vai ter jamais. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é arquiteta, compre pra ela um par de sapatos Louboutin. Esse pessoal é all about design tanto no trabalho quanto fora dele. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é dentista, comece o Dia dos Namorados com um generoso café na cama. Saiam pra almoçar num local romântico e leve-a pra passear num parque ao ar livre e façam um piquenique daqueles de filmes de Hollywood. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é engenheira, compre a ela um pacote de viagens pra fazer boas compras no exterior. Escolha uma megalópole, pelo amor de Deus. NY é o must, mas Londres e Paris surtem efeito similar. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Se sua esposa é bancária, capriche nas flores e chocolates. Espalhar pétalas de rosas pra recepcionar a chegada dela em casa vai fazê-la derreter em seus braços. Sais de banho e mais pétalas na banheira darão o toque final. É uma boa dica, mas você corre o risco de errar.

Dicas de presentes pras mulheres darem aos seus homens no Dia dos Namorados

Se seu marido tem alguma das profissões acima ou qualquer outra, dê a ele uma boa e longa chupada. Não se preocupe com o tempo, não vai gastar. Deixe ele gozar na sua boca, como ele tanto pede. Chame-o de animal, diga que nunca viu pau maior, monte nele e cavalgue por mais uns 40 minutos até que ele goze novamente. Pra liquidar a fatura com chave de ouro, libere esse cuzinho. Afinal de contas, é uma data pra lá de especial. É uma boa dica, e você não vai errar nem fodendo.